infraestruturapura-novidadesws16-banner

Olá Pessoal!

Dando continuidade a série de novidades existentes no Hyper-V do Windows Server 2016, nesse post falo sobre um recurso muito interessante: Nested Virtualization ou Virtualização Aninhada. Mas afinal de contas, o que é isso e para que serve? Nested Virtualization nada mais é do que poder executar o Hyper-V dentro de uma máquina virtual! Tal recurso é útil em diversas situações:

  • Ambiente de testes;
  • Demonstrações e apresentações sobre recursos do Windows Server 2016;
  • Execução de containers do Hyper-V.

Saiba mais sobre as mudanças no licenciamento do Windows Server


Hardware custa caro! Até então não era possível demonstrar a funcionalidade de alguns recursos devido não ser possível instalar e executar a função do Hyper-V dentro de máquinas virtuais (Exemplo: Um laboratório sobre alta disponibilidade de máquinas virtuais). Agora isso é possível no Hyper-V do Windows Server 2016. Na figura abaixo é observa-se tal arquitetura:

nestedvirtualzation
Nested Virtualization (Fonte: http://www.altaro.com/hyper-v/nested-virtualization-hyper-v-windows-server-2016/)

Pré-Requisitos

  • Host do Hyper-V (máquina física) executando o Windows Server 2016 ou o Windows 10 Build 1607;
  • Uma máquina virtual executando o Windows Server 2016 ou o Windows 10 Build 1607;
  • Processador Intel com tecnologia VT-x e EPT;
  • O recurso MAC Spoofing deve estar  habilitado na interface de rede virtual da VM em execução no host;
  • O recurso memória dinâmica deve estar desabilitado na VM em execução no host.

Se você tentar instalar o Hyper-V dentro de uma máquina virtual terá a seguinte mensagem de erro:

nestedvirtualizationerror
Erro ao ativar a função do Hyper-V dentro de uma VM.

Vamos agora preparar a máquina virtual para executar a função do Hyper-V. Desligue a VM do Windows Server 2016 e execute o Windows PowerShell com privilegias administrativos no host físico de virtualização. Utilize os comandos abaixo para expor os recursos de virtualização do processador para a máquina virtual:

nestedvirtualizationenable
Habilitando os recursos de virtualização do processador para a máquina virtual.

Verifique se o recurso “Memória Dinâmica” está desativado na VM:

nestedvirtualizationdinamuc
O Recurso de memória dinâmica deve estar desativado na máquina virtual em que a função do Hyper-V será instalada.

Ative a função MAC Spoofing (falsificação de endereço MAC) na placa de rede virtual da VM. Isso é necessário para que o tráfego de dados possa ser roteado entre os switches virtuais:

nestedvirtualizationmac
Ativando o recurso MAC Spoofing na interface de rede da máquina virtual.

Inicie a máquina virtual e instale normalmente a função do Hyper-V. Note que nenhuma mensagem de erro será exibida e a função será instalado com sucesso:

nestedvirtualzationok
Função do Hyper-V instalada com sucesso na máquina virtual.

Após a reinicialização do servidor virtual, o Hyper-V pode ser utilizado normalmente:

nestedvirtualzationfi
Hyper-V sendo executado em uma VM do Windows Server 2016 em execução no Hyper-V do Windows 10 Build 1607.

Até a próxima!

Sumário
Windows Server 2016 Nested Virtualization
Nome do Artigo
Windows Server 2016 Nested Virtualization
Descrição
Nested Virtualization nada mais é do que poder executar o Hyper-V dentro de uma máquina virtual!
Autor
WRPD Informática
Windows Server 2016 Nested Virtualization

Mestre em tecnologia pela Faculdade de Tecnologia (FT) da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP, pós-graduado (Especialização) em redes de computadores. Também é profissional certificado Microsoft, sendo detentor dos títulos MCT, MCTS, MCP, MCSA, MCITP Server Administrator e MCITP Enterprise Administrator. Atualmente é professor da Área de Redes na Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP) e ministra treinamentos preparatórios para certificações Microsoft em centros autorizados.

Classificado como:        
microsoft partner   Trendmicro partner   Fortinet   Adobe Reseller   Microsoft Authorized Education Partner